M Clinic Estética

Pelo encravado? Tire aqui suas dúvidas sobre esse inconveniente

Posted on: 06/12/2011

Toda mulher faz depilação para se ver livre dos pêlos e ficar com a pele lisinha. Mas, quando eles começam a nascer, muitas acabam sofrendo com outro drama estético: o encravamento. Os dermatologistas Letícia Nanci, do Rio de Janeiro, Christiana Blattner, de Campinas, e Adilson Costa, de São Paulo, sugerem bons caminhos para continuar com a pele à prova de toque!

1. Consigo ver o pêlo por baixo da pele. Por que ele fica lá?

O pêlo encrava justamente porque não tem força para romper a camada córnea, a parte mais superficial da pele. Muitas vezes isso acontece por causa da depilação com cera, que arranca o pêlo pela raiz, deixando-o mais fraco. Também pode ocorrer uma assimetria entre o bulbo (local onde ele nasce) e o poro, não encontrando saída através da pele.

2. Então, usar lâmina é melhor?

Nem sempre. Algumas mulheres que estão acostumadas a depilar o corpo com cera se beneficiam da lâmina: como ela fortalece o pêlo, pode ficar mais fácil ele romper a pele. Outras mulheres têm algum tipo de irritação e, além do pêlo encravado, ficam com pequenas espinhas no local (uma inflamação chamada foliculite). O jeito é fazer o teste para checar o melhor método para você.

3. Esfoliação ajuda?

Sim, mas não resolve. Os esfoliantes corporais com grânulos auxiliam na remoção das células mortas, afinando a pele e, assim, facilitam a passagem do pêlo. Mas eles têm de ser usados de forma constante já que toda vez que o pêlo cresce pode acabar encravando novamente. Existem bons produtos que levam algum agente bactericida na fórmula, como o triclosan. Além de esfoliar, eles combatem possíveis inflamações, que poderiam piorar o quadro.

4. Qual é o método mais eficiente?

A depilação a laser é tida entre os especialistas como uma das melhores soluções para evitar os pêlos encravados. Como o calor do laser destrói a matriz do pêlo – onde ele nasce –, ele não volta a crescer tão rapidamente. Quanto menos pêlos, menor a probabilidade de encravamento.

5. Como funciona e quanto custa uma sessão de depilação a laser?

Geralmente são necessárias de quatro a seis sessões para atingir todos os pêlos de uma região, pois eles têm três fases diferentes de crescimento. Isso com um intervalo de um mês entre elas. Depois, é necessário uma sessão por ano de manutenção. E o preço varia de acordo com a área. Cada sessão de virilha, por exemplo, custa em média 500 reais.

6. Mas depilação a laser é muito cara para mim…

Se ainda não dá para investir nesse tratamento, a saída é manipular um creme que ajuda a desencravar os pêlos e utilizá-lo sempre. Bons princípios ativos: uréia, ácido salicílico, peróxido de benzoíla ou ácido retinóico. Converse com o seu dermatologista. – Boa Forma –

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Arquivos

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1 outro seguidor

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: